Novo regime de descontos de portagens

Regime prevê uma redução das taxas de portagens em algumas autoestradas da Rede Ascendi e ainda um novo sistema de descontos modulares para empresas de transportes.

No dia 01.01.2024 entram em vigor novas medidas de redução das taxas de portagem, bem como alterações ao desconto para os veículos ligeiros de classe 2, 3 e 4, afetos ao transporte de mercadorias e de passageiros.

  1. Redução das taxas de portagem para todos os veículos

O novo regime de descontos em autoestradas com sistema de portagem exclusivamente eletrónico (ex-Scut) em Portugal, define a redução das taxas de portagens para todos os veículos que circularem nas seguintes autoestradas:

  • A25 — Albergaria (Albergaria/ligação à A1) – Vilar Formoso Cobrada pela Ascendi
  • A24 — Chaves (fronteira) – IP5 Cobrada pela Ascendi
  • A13 — Atalaia (A23) – Coimbra Sul – Cobrada pela Ascendi
  • A13 -1 — Condeixa-IC2 – Cobrada pela Ascendi
  • A4 – Túnel do Marão Cobrada pela Ascendi
  • A4 – Vila Real – Bragança (Quintanilha)
  • A23 — Torres Novas (A1) – Abrantes – Cobrada pela Ascendi
  • A23 – Abrantes – Guarda
  • A22 — Lagos – Vila Real de Santo António

A redução das taxas de portagem em autoestradas do Interior e do Algarve abrange todos os veículos (menos 65% sobre o valor da taxa de portagem com referência ao ano de 2011): para os ligeiros vai ser de 30% face aos preços atuais; para os transportes de mercadorias e passageiros, a redução será de 22,6% face aos preços atuais no período diurno, mantendo-se a redução em vigor para o período noturno, fins de semana e feriados.

 

  1. Regime de descontos para veículos de classes 2, 3 e 4 afetos ao transporte de passageiros e mercadorias

Quanto ao novo regime de modulação do valor das portagens, será aplicado sob o valor que resulte da redução acima referida e cujos beneficiários são os transportadores rodoviários de passageiros e mercadorias, na seguinte situação:

– Nos dias úteis, entre as 20 horas e as 7 horas e 59 minutos (período noturno), sábados, domingos e feriados nacionais, aplica -se 40 %, em todas as autoestradas referidas acima.

Consulte aqui todas as condições de adesão.

 

Para mais detalhes sobre o novo regime deve ser consultada a Portaria n.º 418/2023, de 11 de dezembro.